O Goiás mostrou mais uma vez um ritmo alucinante e não deu chances ao Avaí, que jogava na Ressacada, nesta sexta-feira, fazendo 4 a 1 sem grandes dificuldades. A vitória mantém o clube esmeraldino na briga pelo título da Série B do Campeonato Brasileiro e amplia por mais uma rodada a liderança simbólica do segundo turno.

Com um primeiro tempo empolgante, os goianos foram mais eficientes e foram aos vestiários com uma larga vantagem: 3 a 0, com um gol de Renan Oliveira e dois de Amaral.

Evando, ídolo da torcida catarinense, descontou na etapa complementar, mas a esperança do Avaí foi abreviada por Walter. O atacante marcou o quarto e, ao lado de Egídio, foi um dos melhores em campo.

O resultado deixa o Goiás com 64 pontos, dividindo provisoriamente a ponta da tabela e torcendo por tropeços do líder Criciúma e do Vitória. Para o Avaí, a derrota em casa, onde mantinha boa campanha, praticamente sacramenta o fim das ambições pelo acesso à Série A. Com 46 pontos, o time de Floripa vê o São Caetano, primeiro no G-4, abrir 11 de diferença.

A 32ª rodada coloca o Goiás diante do ASA, no Serra Dourada, enquanto o Avaí viaja até Bragança Paulista para encarar o Bragantino. As duas partidas serão realizadas na terça.

O jogo – As laterais começaram como principal válvula de escape dos dois times. Arlan e Egídio travavam duelo particular e, quando atacavam, levavam a melhor e conseguiam os cruzamentos.

Foi justamente dos pés do ala direita do Avaí que surgiu a primeira grande oportunidade da partida. Após a bola alçada na área, Camilo cabeceou par a defesa de Harlei.

Em resposta, Walter chutou de longe e deixou o goleiro Marcelo Moretto imóvel. A contagem na Ressacada seria aberta aos 21 minutos de jogo, quando o mesmo Walter fez boa jogada pela ponta esquerda. O atacante colocou a bola na cabeça de Renan Oliveira, que só testou no canto do gol avaiano.

Buscando do empate, a equipe da casa começou um bombardeio à meta de Harlei. Diogo Acosta e Mika tiveram dois bons arremates, mas o experiente goleiro esmeraldino fez ótimas defesas. No lance mais perigoso, o volante do Avaí pegou sobra de primeira na área e Harlei espalmou com muito reflexo.

O Goiás era melhor, porém. Egídio chegou ao fundo e cruzou, mas Ricardo Goulart perdeu um gol incrível. No lance seguinte, o lateral bateu falta na área Amaral se antecipou para desviar e tirar de Marcelo Moretto e ampliar, aos 31.

Inspirados, ala canhoto e o capitão esmeraldino repetiriam a dose mais tarde. Depois de acertar a trave com um chute de três dedos, Egídio colocaria nova bola na cabeça de Amaral, que marcou o segundo dele e o terceiro dos visitantes, dois minutos antes de provocar vaias da torcida ao Avaí.

A segunda etapa começou boa, mas o ritmo alucinante da primeira demorou a aparecer. Somente aos 17 minutos é que Goiás chegou com perigo. Walter deu de letra e deixou Vítor em condições de marcar, mas o lateral parou na boa defesa de Moretto.

Aos 29, Evando arriscou de longe e contou com o mal posicionamento de Harlei para diminuir o placar. No chute, a bola subiu e acabou encobrindo o goleiro esmeraldino, que estava adiantado.

Só que mal deu tempo de comemorar. Logo após a saída de bola, Walter fez o quarto e deu números de goleada à partida. Sozinho na área, o atacante marcou pelo terceiro jogo seguido e assegurou a vitória ao Goiás.

Fonte: Gazeta Esportiva

Axact

Axact

Vestibulum bibendum felis sit amet dolor auctor molestie. In dignissim eget nibh id dapibus. Fusce et suscipit orci. Aliquam sit amet urna lorem. Duis eu imperdiet nunc, non imperdiet libero.

Post A Comment: